domingo, 5 de junho de 2011

A acne e o seu impacto...

Olá, meus queridos.

Hoje vou fazer um post super, super sério.

O tema que envolve toda a minha "preocupação" é sobre um vídeo que está rolando na net.

Ele é sobre o passo-a-passo de uma  maquiagem milagrosa feita por uma  linda garota americana que sofre com acne grau 3.

Veja o vídeo:




Qual é a minha opinião:

Acho que devemos assistir a tudo o que há na net com muita crítica.
Achei muito triste a forma de se expor a doença ( acne ) e apontar como a única solução uma maquiagem- reboco para enfrentar a vida, entre choros e insatisfações.

Mais ainda, fiquei preocupada com a repercussão nos pacientes que fazem tratamento para acne e  que podem achar que também se tratam de casos perdidos em que a única solução seria camadas e camadas de base e pó compacto.

Eu entendo a situação da menina e sua angústia em relação a doença, mas não acredito que seja esse o caminho.

Não estou aqui para avaliar o caso clínico  da garota porque não tenho condições para isso. 
Mas acho impossível algum tratamento dermatológico que não encaixe no seu caso e alivie o seu problema, com ou sem Isotretinoína.

A minha função, aqui no blog, é a de  mostrar que hoje há tratamento disponível para quase tudo na dermatologia. E o que não se cura, ainda pode melhorar muuuiiito, com toda a certeza.

Como dermatologista, não posso ser conivente com esta situação de "maquiar" algo que precisa de tratamento sério e profissional, apesar de acreditar no valor de uma boa maquiagem em várias condições dermatológicas.

Espero que vocês, queridos leitores, comecem, também, a exercitar a crítica em tudo o que envolve a área da estética e o impacto que se causa com determinadas situações.

Acredito que vocês já estão bem preparados para isso.


Bjinhos e até logo!!

5 comentários:

Anônimo disse...

não é por nada não,adoro seu blog mas já vi esse video e se não me engano ela diz que esta sim fazendo tratamento...mesmo se não diz,na descrição do video ela escreve sobre o tratamento dela,mais no final :)

Dra.Fernanda Aguirre Bottura disse...

De maneira nenhuma quero ser injusta no blog.
Mesmo que ela esteja em tratamento de pele ( que não está dando certo, lamento informa-la..!) ainda senti um gostinho de sensacionalismo no ar.
De qquer forma, com ou sem tratamento dermatológico, rebocar a pele não é a solução.
Pelo contrário, o excesso de camadas e camadas de base, pó e afins, contribuem de maneira decisiva para perpeturar o quadro da acne.
Estou aberta e discussões, sempre!
É esse o objetivo do blo...
Bjinhos e até!

Elaine disse...

Achei o video fantástico, mas fico me perguntando como é que lá nos EUA ainda não tem um tratamento eficaz contra acnes. Eu mesma sofro desse problema desde os 12 anos, hoje estou com 35. O meu problema já descobri, é hormonal. Mas como não posso fazer uso do Etinilestradiol, vou ficando com o anticoncepcional pra cortar a mensturação. Meu rosto fica oleoso e tudo o mais, mas se cortar a menstruação melhorar o quadro da minha acne, já está de bom tamanho. Muita gente testou a base que a garota usa no video, mas se decepcionou. No meu caso, não experimentei nenhuma dessas bases mas já fiz uso da isotretinoina, mas como meu caso só se resolve com anticoncepcionais, tenho que continuar convivendo com elas, porque eu estaria livre delas se pudesse usar anticoncepcional oral combinado. Não posso. Fazer o que!?. E acho que você Doutora está com toda a razão, devemos tentar outras formas de melhorar e não esconder o problema...ela (a garota do video) diz que está tratando...mas será que os produtos não estão atrapalhando o processo de cura? Adorei seu blog. Um grande abraço. Elaine

Anônimo disse...

Desculpa, acabei de ver o vídeo e não achei ela nem um pouco sensacionalista, ela é uma garota que com certeza já sofreu muito com a acne, como ela mesma diz, costumava ser muito pior e agora está melhorando, ela ainda está tratando. Como ela trabalha com maquiagem acho que dá pra entender o fato dela esconder isso porque basicamente o rosto é o cartão de visita na profissão que ela exerce. Até a achei bem corajosa, postando um vídeo e dando uma solução temporária que, para quem está em tratamento com um dermatologista, pode ser a diferença entre depressão e vida normal.
É óbvio que a maquiagem não é a solução, mas também não devemos criticá-la por tentar esconder algo que a incomoda, todos fazemos isso. Além do mais ela é muito informada sobre a acne, muito cautelosa, e procura informar as pessoas que assistem os vídeos (pelos links durante o vídeo, etc.) que o tratamento é a melhor opção e qual a natureza e o tratamento do problema dela.
Como disse nunca assisti nenhum vídeo dela, e é a primeira vez que visito seu blog, procurei ser justo com ambas as partes. :)

Rafaela Minuzzi Zanchetta disse...

Eu tinha bastante acne, num grau menor que o dela, mas ainda assim me incomodava muito.Fui em mais de 5 dermatologistas até achar uma que eu realmente gostasse. Fiz tratamento de 2 meses com tetraciclina, usei ácido e sabonete especifico para o rosto. Minha pele melhorou 99%.Atualmente n tenho mais espinhas nem manchas (o que mais tinha).Sei que cada caso é diferente, mas acho importante n desistir de achar um bom médico. As vezes é difícil e não quer dizer q o seu caso n tem solução.A internet também traz muita informação, não que vc vai se tratar sozinha, mas até mesmo para poder questionar o médico sobre determinados tipos de tratamento.Não podemos deixar de dizer que a maquiagem que ela fez é incrivel, mas não resolve. E quando ela estiver na piscina, ou acordar do lado do namorado??? Att