domingo, 8 de maio de 2011

Renovar é preciso!

Olá.

Domingo, dia das  Mães ( parabéns a todas as mamães!!) e eu aqui preparando uma super aula sobre Peelings.

Como sempre acontece comigo quando preparo as aulas, vem logo aquele pensamento: "Porque não levar este tema para o blog, com  uma linguagem menos científica??".
Aí veio a idéia e é sobre esse assunto es-sen-ci-al na vida de qualquer pessoa que deseja se cuidar , que vamos falar hoje.



Primeiro é preciso entender que a pele é um órgão dinâmico, em que as células estão, diariamente, migrando da camada mais profunda da epiderme com a intenção de chegar até o topo e ser eliminada, a famosa esfoliação.



Os peelings são, basicamente, aceleradores  deste processo,  aumentando o que chamamos de "Turn over" celular, eliminando a camada de células mortas impregnadas no estrato superficial e estimulando uma nova pele, mais bonita e mais clara.

O que acontece é que "Peeling"é um termo genérico. Há diversos tipos e concentrações de ácidos e  cada dermatologista tem as suas preferências e sua experiência com algum tipo específico.

Por isso, dizer que já fez peeling e  que não adiantou nada, não quer dizer  absolutamente nada para mim. Porque não posso saber qual tipo, como e em qual concentração ele foi realizado para poder avaliar.


Existem diferentes tipos de Peelings:


  • Peeling qumíco ( aquele em que há a aplicação de uma substância química na pele )

  • Peeling Físico ( aqueles causados por Laser) 


  • e Peeling Mecânico ( causados por uma máquina, exemplo: Peeling de Cristal e de Diamante).





Independente do tipo, o objetivo será o mesmo: Provocar um "trauma "programado com o objetivo de estimular uma pele nova e , dependendo do grau de estímulo que se deseja, escolhemos o tipo de peeling e a profundidade específica para cada caso.




Este é um dos meus tratamentos preferidos.
Acho que nada substitui os peelings no hall de tratamentos dermatológicos disponíveis.

Entretanto, é essencial saber escolher o tipo que se adequa para cada paciente e para a temperatura da cidade em que se vive.

A segurança na execução do tratamento é fundamental para o sucesso do resultado.

Fica a dica de tratamento de diva de hoje.

Muitos beijos e até o próximo post!!

3 comentários:

Michelle Salerno disse...

Olá drª Fernanda, obrigada pelo post. Quero saber se quem faz uso direto de ácido retinóico pode fazer peeling mecânico mensalmente? Tenho essa dúvida pois a pele com o uso do ácido esfolia constantemente. Abraço.

Dra.Fernanda Aguirre Bottura disse...

Olá, Michelle! POde sim.
A idéia do uso regular do acido retinoico em concentração domiciliar é a de , inclusive, preparar a sua pele para receber o peeling de maneira mais homogênea.
Inclusive, sempre explico ao pacte que o ac. retinoico domiciliar NÃO deve escamar a pele em casa., somente os peelings têm esse objetivo.
Bjks!!

Anônimo disse...

Olá Dra.

Adorei seu blog e concordo com seu post.

Fiz um peeling com laser Genesis e adorei.

Minha pele está mais clara, melhorou a textura e os vasinhos sumiram. Fiquei muito satisfeita.

Tchauzinho

Lu